facebook twitter rss youtube

Notícias

Aconteceram, na última semana, as eleições que elegeram a diretoria da FENAG. O pleito ocorreu entre os dias 24 a 28 de abril, de forma direta através do site da Federação, quando os associados das AGECEFs puderam depositar seu voto.

O pleito teve a chapa “Liderança e Evolução” como única postulante à direção da entidade. A formação da chapa foi resultado de um amplo debate entre as 31 Associações dos Gestores de todo Brasil, tendo à frente o colega Almir de Sousa.

O presidente eleito, Almir, é Gerente Geral no estado do Paraná e membro da AGECEF desde os anos 90, onde ocupou diversos cargos, inclusive o de presidente. Atualmente, é membro da atual diretoria da FENAG, onde já exerceu diversos cargos.

Participaram do processo eleitoral 3149 associados das AGECEFs e a Chapa única, Liderança e Evolução, obteve 3016, ou seja, 95,78% dos votos, tendo ainda 45 votos branco e 88 nulos.

O resultado demonstra apoio às ações da FENAG construídas nos últimos anos, onde a gestão foi aberta e itinerante, pois identificada a necessidade de resgatar algumas AGECEFs, a atual diretoria teve atuação "in loco", junto às associações, para tornar nossa Federação mais representativa dos gestores em todos os estados deste imenso Brasil.

A nova direção da Federação toma posse a partir de julho, em cerimônia a ser realizada em Brasília/DF.

Inicia-se o período de transição, que deve se dar de forma tranquila e objetiva.


FENAG – Federação Nacional das Associações dos Gestores da Caixa.

A Federação Nacional das Associações dos Gestores da Caixa Econômica Federal – FENAG, e as Associações dos Gestores da Caixa Econômica Federal de todo o País – AGECEF, na qualidade de entidades representativas da classe de Gestores da CAIXA, vem a Público demonstrar a sua grande preocupação com o profundo prejuízo às relações de trabalho que uma eventual aprovação do substitutivo ao Projeto de Lei 6.787/2016, em tramitação na Câmara dos Deputados, poderá ocasionar.

O substitutivo que será levado a apreciação e a votação na Câmara dos Deputados nos próximos dias traz um conjunto de dispositivos que atacam flagrantemente direitos conquistados ao longo do tempo pela Sociedade, submetendo a classe trabalhadora a uma condição de grande desigualdade e desvantagem na relação de trabalho, precarizando-a intensamente.

Não dá para admitir que um projeto de lei de tamanha importância e que gera um grande impacto na vida dos cidadãos, seja conduzido a toque de caixa, tirando da Sociedade o direito de debatê-lo, de forma a contribuir para a construção de um texto mais justo, que não sirva apenas para atender aos anseios da classe empresarial do País.

Sob o pretexto de “modernizar a relação do trabalho”, o Governo Federal, com o apoio da classe empresarial e de parte dos legisladores do País, apresentou uma proposta que tem como grande foco resgatar um projeto que já foi reprovado pela sociedade, impondo à classe trabalhadora sérios prejuízos. É preciso debater e construir uma nova proposta de reforma trabalhista. É o mínimo que a sociedade merece.

Da mesma forma, também é preocupante o rumo que vem sendo tomado da Reforma da Previdência, que coloca uma grande parcela dos trabalhadores a condições desgastantes no que se refere a obter a sua aposentadoria, em detrimento de uma minoria que se mantém com grandes privilégios. A justificativa do Governo que a parcela maior da população, que percebe rendimento de 1 salário mínimo está protegida no Projeto de Lei apresentado, é fazer essa parcela se contentar com a condenação a viver por toda a sua vida percebendo os menores salários, sem perspectiva de crescimento da vida.

É preciso, da mesma forma, fazer prevalecer a voz da sociedade, permitindo a sua participação na construção desse projeto de lei, como também fazer com que todas as reais informações acerca da nossa previdência sejam acessíveis a ela, para a formação do melhor juízo sobre o tema.

Portanto, a FENAG e as AGECEF’s de todo o País, se solidarizam com os Movimentos Sociais, que lutam, nesse momento, em defesa dos direitos e pela igualdade da nossa Sociedade.

Apoiamos as mobilizações que ocorrem pelo País, em defesa dos trabalhadores, por parte daqueles que se dispõem a estarem na linha de frente, por toda uma sociedade que neste momento se sente ameaçada, pela perda de seus direitos.

Aos nossos representados, Gestores da CAIXA, pedimos que respeitem a decisão individual dos colegas que decidirem por fazer parte da mobilização nacional do dia 28 de abril e conclamamos a todos que permanecerem no seu posto de trabalho, que comparecem vestidos de “preto”, em sinal de protesto contra as propostas de reforma apresentadas e em solidariedade aos colegas que irão publicamente se manifestar.

FENAG e AGECEF

Almir José de Sousa - Presidente - AGECEF/PR

- Ingressou na CAIXA em 05/1989, atuou como Caixa, Supervisor, Gerente e atua a mais de 20 anos como Gerente Geral.

- Foi Diretor Regional da Agecef/PR, em Londrina, Presidente da Agecef/PR gestão 2009/2011.

- Atuou também como Diretor Institucional da FENAG.

Mairton Neves - Vice Presidente - AGECEF/CE

- Mais de 27 anos de Caixa.

- Gestor da Caixa por 20 anos.

- Instrutor estratégico.

- Presidente da Associação dos gestores da Caixa – AGECEF –CE.

- Graduado em Administração e Pós-graduado em Administração financeira e Administração & Negócios.

- Coach com certificação em Personal & Profissional, Positive e Executive.

- Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching.

Diretor Administrativo e financeiro: Regimário Carneiro Araújo - AGECEF/IBA

Diretora de Comunicação, Eventos e Marketing: Marilde Perin Zarpellon - AGECEF/SC

Diretor de Desenvolvimento de Pessoas: Marcos Lima Lopes - AGECEF/DF

Diretor Institucional: Marconi Apolo Dutra Araújo - AGECEF/PE

Diretor Comercial: Nilson Moura - AGECEF/SP

Diretor de Relações do Trabalho e Qualidade de Vida: Pedro Sérgio dos Santos Barbosa - AGECEF/SPI

Diretor de Relacionamento com os Aposentados: José Alves Feitosa Filho - AGECEF/PB

Diretor Suplente da Diretoria Executiva: Elton da Silva Gontijo -  AGECEF/DF

Diretor Suplente da Diretoria Executiva: Carlos Jairo Limberger Hahn -  AGECEF/RS

 

Candidatos ao Conselho Fiscal

 

Conselho fiscal titular: Rúbia Alessandra Bauermann Palmer - AGECEF/RS

Conselho fiscal titular: José Fernando Valias - AGECEF/SSL-MG

Conselho fiscal titular: João Ricardo Ramos Coutinho - AGECEF/SE

Conselho fiscal Suplente: Cybelle Patrícia Ferreira de Andrade - AGECEF/TO

Conselho fiscal Suplente: Ana Lúcia Fontes de Faria Brito Soares - AGECEF/ES

Conselho fiscal Suplente: Fabiano de Almeida Fernandes - AGECEF/TM

As inscrições das chapas concorrentes à Diretoria Executiva e Conselho Fiscal da FEDERAÇÃO NACIONAL DAS ASSOCIAÇÕES DE GESTORES DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL – FENAG, para a Gestão 2017/2020, deverá ser requerida à FENAG, em documento assinado pelo seu representante, até às 18 horas do dia 31 de março de 2017.

 

As inscrições deverão ser encaminhadas para Federação Nacional das Associações dos Gestores da CAIXA - FENAG, localizada na SRTV/Sul Ed. Palácio do Rádio II, Sala 422 – Brasília/DF – CEP: 70340-901, bem como para os e-mails:

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

1. São cargos eletivos:

1.1 Presidente, Vice-Presidente, Diretor Administrativo e Financeiro, Diretor Comunicação, Eventos e Marketing, Diretor de Desenvolvimento de Pessoas, Diretor de Representação Institucional, Diretor de Relação do Trabalho e Qualidade de Vida, Diretor Comercial, e Diretor de Relacionamento com os Aposentados e 2 (dois) Diretores Suplentes da Diretoria Executiva;

1.2 Para o Conselho Fiscal, nome dos 03 (três) membros efetivos e dos 03 (três) membros suplentes;

2. Os mandatos dos cargos eletivos terão a duração de 3 (três) anos, permitida uma reeleição. 

3. As eleições ocorrerão de 24 a 28 de abril de 2017, sendo por meio eletrônico, o sigilo dos votos será assegurado pela tecnologia computacional. A forma de como votar, será divulgada com pelo menos 72 horas de antecedência pela Comissão Eleitoral Nacional; 

4. Estão aptos a votar, todos os associados das AGECEF.

120 Gestores de todo país reunidos com dedicação, foco e disciplina.

Debates, propostas, palestras, votação e muitas novas ideias surgindo. O Encontro Nacional dos Gestores da Caixa Econômica Federal contou com a participação de representantes das AGECEFs de todo o Brasil. 

O diálogo foi aberto para os nossos gestores opinarem , houve bastante interação e compartilhamento de informações importantes referente ao dia a dia das bases. Desta grande interação demos efetividade das demandas, onde três GT de Trabalho foram criados: GT GDP, GT Saúde CAIXA, GT FGTS. Este espaço é de suma importância para entender e dar voz aos anseios dos empregados Caixa. 

Estamos firmes e atuantes na representatividade do Movimento Gerencial.

O CONDEL da FENAG deliberou as proposições a serem encaminhadas para a CAIXA, em prol dos interesses da classe gestora. Mais que uma entidade representativa, somos todos Gestores unidos em um só 

propósito. Agora, vamos, juntos, em frente para realizar cada novo desafio.

Confira as fotos em: https://goo.gl/Bd4rWB



Cadastre-se e fique por dentro de
todas as notícias da FENAG.

Integração - Mail2Easy PRO




(61) 3223 0240
contato@fenag.org.br

SRTV/SUL Edifício Palácio do Rádio II
Bloco II - Sala 422 - Brasília - DF
70340-902

facebook  twitter  rss