NOTÍCIAS

02
Mar

FUNCEF: participante Valter San Martin alerta sobre prejuízos causados pela atual Diretoria

Dirigente da Apcef/SP denunciou quebra de paridade no equacionamento do REG/Replan Não Saldado, alteração irregular do estatuto e extinção de Diretorias eleitas em seminário.

 

“Nosso Estatuto foi rasgado e nossos direitos de participantes, totalmente violados”, bradou Valter San Martin Ribeiro, ao delatar três gravíssimos problemas prejudiciais aos participantes da FUNCEF de total responsabilidade da atual Diretoria da Fundação.

A exposição foi durante os debates acerca das situações dos fundos de pensão no seminário realizado pelos dirigentes sindicais da CAIXA do estado de São Paulo, na última terça-feira (23).

O dirigente da Apcef/SP - Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal, do Seeb/SP – Sindicato dos Bancários de São Paulo e da Anapar – Associação Nacional dos Participantes de Previdência Complementar, criticou a quebra de paridade no equacionamento do plano REG/Replan Não Saldado, acordado por todos os diretores, inclusive, eleitos, por meio da assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta – TAC, em 2017.

San Martin também enfatizou a alteração do estatuto sem nenhuma discussão com os participantes, outro dano de responsabilização direta dos diretores da Fundação: “As mudanças estabelecem votação por maioria simples no Conselho Deliberativo, ou seja, em caso de empate, a patrocinadora poderá lançar mão do voto de desempate, prerrogativa do presidente do CD indicado por ela”, explicou.

Além disso, o dirigente manifestou preocupação com a proposta de redução das seis Diretorias, sem especificá-las nem quantificá-las, com possibilidade de extinção das cadeiras ocupadas pelos representantes dos participantes eleitos por estes. 

Valter San Martin convocou todos os participantes a se manifestarem contra essas modificações por meio do canal de comunicação direta com a Diretoria da FUNCEF, disponível no site da Fundação, pois tais mudanças estatutárias ainda não foram aprovadas pelos órgãos de controle como Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais - Sest e Superintendência Nacional de Previdência Complementar – Previc.

O presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal - Fenae, Sergio Takemoto, também participou do seminário e, segundo ele, “apenas com unidade, superaremos os desafios que este governo nos impõe, como as privatizações e o sucateamento das empresas públicas, colocando, em risco, a soberania brasileira. A união, a organização e a luta das entidades é o caminho para barrar esse ataque feroz que este governo está fazendo ao nosso patrimônio”.

Cerca de 70 dirigentes da base paulista discutiram e estabeleceram ações em defesa da CAIXA 100% pública, da Funcef, do Saúde Caixa e dos empregados no evento.

Também participaram do seminário a presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Ivone Silva; o diretor da Fenae e do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, Dionísio Reis; o presidente da Federação dos Bancários de São Paulo e Mato Grosso do Sul, Jeferson Rubens Boava; o representante da FETEC/SP e diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas do Ramo Financeiro do Grande ABC, Jorge Luiz Furlan, e o diretor do Sindicato e representante da Federação dos Bancários de SP e MS na Comissão Executiva dos Empregados - CEE Caixa, Carlos Augusto Silva - Pipoca.

Notícias Relacionadas

FUNCEF: “transparência é essencial”, assevera diretor da APCEF/SP

FENAG integra parceria da Campanha ‘CIDADANIA EM AÇÃO’

CTASP aprova requerimentos por audiências públicas para debater a CAIXA

FENAG trata sobre vacinação aos empregados da CAIXA com o deputado federal/RJ, Christino Áureo

Inclusão dos bancários da CAIXA no PL1011 é fruto da luta da FENAG e AGECEF’s

FALE CONOSCO

ENDEREÇO
SRTV/Sul Edifício Palácio do Rádio II Bloco II Sala 442 - Brasília - DF - 70340-902

TELEFONE
(61) 3223-0240

EMAIL
secretaria-executiva@fenag.org.br